14 de mai de 2010

É o 2º ano em que se celebrará o DIA MUNDIAL DA ESCLEROSE MÚLTIPLA, criado com intenção de chamar a atenção da sociedade civil e poderes públicos para os problemas enfrentados pelos portadores desta estranha doença.
Ficou estipulado que se celebraria a data na última 4ª-feira do mês de Maio, que este ano, calha no dia 26.


"As pessoas com EM têm necessidades complexas e actualmente estas não são satisfeitas adequadamente em nenhuma parte do mundo."
A esclerose múltipla (EM) é uma doença crónica e frequentemente incapacitante. É uma das condições neurológicas incapacitantes mais comuns entre os jovens adultos no hemisfério norte. Afecta cerca de três vezes mais as mulheres do que os homens, e os seus sintomas começam a manifestar-se habitualmente a partir dos 30 anos de idade, muitas vezes uma fase crítica da vida adulta. Mais de 2,000,000 de pessoas sofrem de EM em todo o mundo.
A EM resulta de danos na mielina - o revestimento protector em volta das fibras nervosas do sistema nervoso central (cérebro, espinal medula e nervos ópticos). Quando a mielina é danificada interfere com as mensagens entre o cérebro e as outras partes do organismo, sendo que isso pode também resultar em danos permanentes nas próprias fibras nervosas.
Os sintomas variam muito e incluem visão turva, perda de força nos membros, dor, distúrbios da bexiga, inquietude e fadiga. Para algumas pessoas com EM, a doença é caracterizada por períodos de recaída e remissão, enquanto que em outras pessoas esta apresenta um padrão progressivo. Para todas elas, a vida com EM é imprevisível.
Alguns dos aspectos mais complexos que afectam as pessoas com EM incluem a falta de acesso adequado à informação e à educação pública, a falta de apoio social, a necessidade de aconselhamento e apoio relativamente ao emprego, seguros de doença e segurança social, e a disponibilidade limitada de tratamentos modificadores da doença, outras terapêuticas e reabilitação.

Um comentário:

* disse...

Olá Ana, já estou te seguindo aqui tbm.
No blog da decoupage falo-te mais.
Não me vou repetir aqui, mas quero reforçar que gostei imenso de teu carinho e de apareceres no caminho.
Às vezes há coisas que parecem "armadas" por Alguém especial que brinca conosco, né?

Parabéns pelo baby.
Não sei se tens conhecimento, mas, nem sabem bem o porque, mas o certo é que se tiveres realmente EM, durante a gravidez ela dá uma trégua, e não incomoda muito.
Portanto "take it easy"

bjn no coração e...na barriguita
Graça