23 de mai de 2009

Esta chegando à hora da verdade e derrepente tudo começa ter um tom diferente...

Engraçado, passei todos esses dias, meses, me preparando para ouvir qualquer coisa a respeito do meu diagnostico e agora chegando o momento da verdade sinto um “Q” de desespero, pânico talvez...

Não sei explicar o porque desse sentimento, acho que é a confirmação das mudanças, a inevitável hora de encarar a realidade, que algumas coisas não tem mais volta, que os velhos sonhos estão realmente deixados de lado, que a palavra recomeçar agora vai ter seu real significado.

Tento encarar meus medos de frente e olhar tudo isso como um aprendizado, ou em outras palavras como a evolução da minha alma... Acredito no destino, e sei que temos que encará-lo e levá-lo até o fim da melhor forma possível. Sei que agora vou estar de frente a ele.

Sei que Deus vai estar comigo e me dará sempre a força que às vezes penso estar perdendo, pois todos os dias quando acordo, repito o meu lema agora: “Um dia de cada vez”... E assim começo todo dia pedindo a Deus a força necessária para enfrentar tudo isso com serenidade e com a força dos guerreiros.

Bem, com a intimidade que tenho com ele: Seja o que o CARA lá de cima quiser...

Ana Carolina




Nenhum comentário: