23 de mai de 2010

Ontem assistindo a novela escrito nas estrelas, ouvi essa musica e recordei de tanta coisa... Pai, como você faz falta... Já se foram doze anos e ainda parece que foi ontem a sua partida!!!!
Pra você fica todo meu amor e carinho!!!!!!

Pai

Composição: Fábio Jr.


Pai!
Pode ser que daqui a algum tempo
Haja tempo prá gente ser mais
Muito mais que dois grandes amigos
Pai e filho talvez...

Pai!
Pode ser que daí você sinta
Qualquer coisa entre
Esses vinte ou trinta
Longos anos em busca de paz...

Pai!
Pode crer, eu tô bem
Eu vou indo
Tô tentando, vivendo e pedindo
Com loucura prá você renascer...

Pai!
Eu não faço questão de ser tudo
Só não quero e não vou ficar mudo
Prá falar de amor
Prá você...

Pai!
Senta aqui que o jantar tá na mesa
Fala um pouco tua voz tá tão presa
Nos ensine esse jogo da vida
Onde a vida só paga prá ver...

Pai!
Me perdoa essa insegurança
Que eu não sou mais
Aquela criança
Que um dia morrendo de medo
Nos teus braços você fez segredo
Nos teus passos você foi mais eu...

Pai!
Eu cresci e não houve outro jeito
Quero só recostar no teu peito
Prá pedir prá você ir lá em casa
E brincar de vovô com meu filho
No tapete da sala de estar
Ah! Ah! Ah!...

Pai!
Você foi meu herói meu bandido
Hoje é mais
Muito mais que um amigo
Nem você nem ninguém tá sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz
Pai! Paz!...




14 de mai de 2010

É o 2º ano em que se celebrará o DIA MUNDIAL DA ESCLEROSE MÚLTIPLA, criado com intenção de chamar a atenção da sociedade civil e poderes públicos para os problemas enfrentados pelos portadores desta estranha doença.
Ficou estipulado que se celebraria a data na última 4ª-feira do mês de Maio, que este ano, calha no dia 26.


"As pessoas com EM têm necessidades complexas e actualmente estas não são satisfeitas adequadamente em nenhuma parte do mundo."
A esclerose múltipla (EM) é uma doença crónica e frequentemente incapacitante. É uma das condições neurológicas incapacitantes mais comuns entre os jovens adultos no hemisfério norte. Afecta cerca de três vezes mais as mulheres do que os homens, e os seus sintomas começam a manifestar-se habitualmente a partir dos 30 anos de idade, muitas vezes uma fase crítica da vida adulta. Mais de 2,000,000 de pessoas sofrem de EM em todo o mundo.
A EM resulta de danos na mielina - o revestimento protector em volta das fibras nervosas do sistema nervoso central (cérebro, espinal medula e nervos ópticos). Quando a mielina é danificada interfere com as mensagens entre o cérebro e as outras partes do organismo, sendo que isso pode também resultar em danos permanentes nas próprias fibras nervosas.
Os sintomas variam muito e incluem visão turva, perda de força nos membros, dor, distúrbios da bexiga, inquietude e fadiga. Para algumas pessoas com EM, a doença é caracterizada por períodos de recaída e remissão, enquanto que em outras pessoas esta apresenta um padrão progressivo. Para todas elas, a vida com EM é imprevisível.
Alguns dos aspectos mais complexos que afectam as pessoas com EM incluem a falta de acesso adequado à informação e à educação pública, a falta de apoio social, a necessidade de aconselhamento e apoio relativamente ao emprego, seguros de doença e segurança social, e a disponibilidade limitada de tratamentos modificadores da doença, outras terapêuticas e reabilitação.